Religião de Barack Obama


>> Início :: Gospel :: Religião de Barack Obama



 Barack Obama vai usar a mesma bíblia de Abraham Lincoln

EUA – A Bíblia Sagrada de Lincoln é um dos maiores tesouros da Biblioteca do Congresso dos EUA. Barack Obama vai ser o primeiro Presidente a usá-la na tomada de posse.

Primeiro destaque foi o uso de duas Bíblias para o juramento do presidente americano.

biblia de Lincoln

A velha Bíblia de Abraham Lincoln, sobre a qual jurou hoje Barack Obama

O Valor da Bíblia E Uma Nação. Obama, Lincoln e Luther King Jr  E que Deus me ajude.” 
Quatro palavras que estão atrás de um longo e intenso debate em os EUA .
A posse de Barack Obama como o 44º Presidente americano trouxe á luz uma característica daquela nação, o uso e a importância de Deus.

a nossa liberdade é um dom de Deus que deve ser defendido por homens aqui na Terra“.

João 8.31-36. Jesus dizia, pois, aos judeus que criam nele: Se vós permanecerdes na minha palavra, verdadeiramente sereis meus discípulos; E conhecereis a verdade, e a verdade vos libertará.[…] Sereis livres?… Se, pois, o Filho vos libertar, verdadeiramente sereis livres.

O segundo destaque Religião de Barack Obama

O segundo destaque foi para, como já ocorrera na primeira eleição, do uso do Nome de Deus!
Por isto, mais uma vez uno o Presidente Barack Obama, ao Pastor Reverendo Martin Luther King Jr, desta vez sem a conotação de cor ou outra característica externa,mas pelo uso e conhecimento da necessidade de conhecer-se a Deus independente de quem quer que seja, Presidente [como Abraham Lincoln] ou plebeu, cidadão comum!

Cito abaixo palavras do segundo personagem, Pastor Luther King Jr.

 “Vi com meus olhos a glória da chegada do Senhor“.MLKJr

A velha Bíblia de Abraham Lincoln, sobre a qual jurou hoje Barack Obama

 

Palavras de Martin Luther King

“Temos de enfrentar dificuldades, mas isso não me importa, pois eu estive no alto da montanha. Isso não importa. Eu gostaria de viver bastante, como todo o mundo, mas não estou preocupado com isso agora. Só quero cumprir a vontade de Deus, e ele me deixou subir a montanha.

Eu olhei de cima e vi a terra prometida. Talvez eu não chegue lá, mas quero que saibam hoje que nós, como povo, teremos uma terra prometida. Por isso estou feliz esta noite. Nada me preocupa, não temo ninguém. Vi com meus olhos a glória da chegada do Senhor“.

“Um dia meus filhos viverão numa nação onde não sejam julgados pela cor de sua pela, mas pelo conteúdo do seu caráter” 
Religião de Barack Obama Martin-Luther-King-y-Biblia

(Martin Luther King)

 

O Presidente Lincoln lendo a Bíblia



Estou ultimamente ocupado em ler a Bíblia. Tirai o que puderdes deste livro pelo raciocínio e o resto pela fé, e, vivereis e morrereis um homem melhor. (Abraham Lincoln)

 

Religião de Barack Obama

Barack Obama jurando sobre a Bíblia tomou posse como Senador

A velha Bíblia de Abraham Lincoln, sobre a qual jurou hoje Barack Obama

A Posse E A Bíblia Sagrada.

A posse pública do segundo mandato do Presidente dos EUA Barack Obama aconteceu nesta 2ª feira. O presidente apoiando a mão sobre duas Bíblias teve no decorrer da cerimônia o nome de Deus sempre em evidência, seguindo, segundo especialistas uma tradição.

Obama deu uma mudança simbólica em uma antiga tradição, o juramento para o seu segundo mandato com a mão colocada Bíblia não uma, mas em duas Bíblias, uma Martin Luther King Jr. e outra de Abraham Lincoln.

Quando o presidente Obama colocou a mão sobre essas duas Bíblias históricas acrescentou uma frase que não é mencionado na Constituição: “E que Deus me ajude.” Quatro palavras que estão atrás de um longo e intenso debate em os EUA .

Primeiro, havia um mito que diz que a tradição de adicionar o nome de Deus ao juramento presidencial começou com George Washington. E isso não é verdade, dizem os especialistas, na Biblioteca do Congresso, o Senado histórico Escritório dos EUA

Embora a frase tem sido usada nos tribunais federais desde 1789, a primeira evidência de seu uso em um juramento presidencial com Chester Arthur chegou em setembro de 1881. Desde então, todos os presidentes, incluindo Obama, seguiram o exemplo.

O próprio Obama notificou o presidente do Supremo Tribunal, John Roberts, que está no juramento judicial, que ele queria que essa frase fosse incluída na sua posse.

Neste segundo discurso de posse, falou da perspectiva de hoje, mas a partir “O juramento eu faço hoje, como tantos outros antes de mim, é um juramento diante de Deus e nosso país, não ao meu partido ou uma facção dele ‘

Em seu conteúdo Obama defendeu suas ideias de programa com base na Constituição: “O que une essa nação não é a nossa cor da pele ou religião, o que nos torna únicos, o que nos faz EUA, é uma ideia articulada em uma declaração feita ao longo de dois séculos atrás “, disse ele.

“E a crença de que todos os homens são iguais “, argumentou, e acrescentou que “a nossa liberdade é um dom de Deus que deve ser defendido por homens aqui na Terra”.

E nós ainda não damos atenção à Bíblia como deveríamos!














Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *