A verdade sobre a enfermagem no Brasil


>> Início :: Saúde e Beleza :: A verdade sobre a enfermagem no Brasil



A enfermagem: um perigo?

A enfermagem: um perigo?

A realidade em nosso país

A Enfermagem

Essa profissão é tão antiga, quanto o povoamento do homem na terra. Pois, desde que um ser humano passa a cuidar do outro, ele não deixa de ser um enfermeiro ou enfermeira. A mãe é a primeira enfermeira dos filhos e assim por diante. Só não é um enfermeiro, quem não se importa realmente com ninguém. Mas como toda profissão, essa profissão teve que se profissionalizar, pois quando estamos lidando com doenças seríssimas, não podemos brincar. A integridade dos pacientes, devem ser colocadas em primeiro lugar, garantindo um bom atendimento, livre de novas infecções, livre de um descaso.

Enfermagem em foco

Infelizmente, quando aparece algum profissional da saúde na mídia, não é por um bom motivo. Salvas raras excessões, é pra se falar de um erro de um enfermeiro, técnico ou auxiliar de enfermagem. É justo mostrar esses erros sim, afinal, enfermagem também é uma prestação de serviços, e os pacientes como consumidores, merecem ter o melhor possível. Porém, essa mídia(rádio, televisão e jornais impressos) não mostram a realidade completa.

A formação

Um enfermeiro estuda 5 anos, um técnico de enfermagem 2 anos e um auxiliar de enfermagem 1 ano, a formação é boa, porém, um curso não forma totalmente um profissional, esse profissional vai se formando integralmente na prática, no dia a dia e esse aprendizado nunca acaba.

O trabalho



Mas a verdade, é que em muitos casos, hospitais particulares, santas casas, hospitais públicos, o profissional, começa a exercer suas funções e para no tempo. E a culpa dessa situação, é dos administradores, que não investem numa formação continuada dos seus funcionários. Profissionais da saúde, trabalham sobrecarregados, fazendo tudo às pressas e com uma pressão psicológica muito grande.

A solução

É fácil apontar os erros da enfermagem, as soluções também não são difíceis de se ver, vamos valorizar o salário dessa categoria, intensificar uma educação continuada, fazer um fórum interno, para discutir os problemas e possíveis soluções. É claro que dando um suporte decente ao profissional, também poderá ser cobrado mais qualidade desse profissional e quem ganha com isso é o paciente.

Caminho das pedras

É claro que a saúde não se resume apenas na enfermagem, isso é apenas um problema de muitos. Governantes só pensam em construir prédios e comprar aparelhos novos, mas se não ter uma boa enfermagem, esses investimentos serão em vão.














Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *