Ex detentos no mercado de trabalho e na sociedade

Compartilhe com seus amigos !

O sistema penitenciário no Brasil tem solução? Reflita comigo sobre a realidade dos detentos, saem melhores ou piores? A forma de se ressocializar dignamente? É necessário alguma mudança ou é melhor deixar como está?

ex detentos
A ressocialização de ex-detentos e um sonho gigante

A reinserção dos ex-presidiários na sociedade atual. Esse foi o tema do trabalho de hoje elaborado pelo meu grupo na aula de Sociologia Jurídica.

Foi um trabalho lindo! Muito mais voltado para a realidade racional, mas falar sobre isso mexe muito mais com o meu íntimo. Nada melhor para uma futura advogada criminal (ou para uma psicóloga, como citei no post anterior, rs) discorrer sobre esse assunto.

Se eu pudesse, apontaria por horas e horas meu ponto de vista quanto ao sistema prisional brasileiro, os detentos e a dificuldade de ressocialização destes após o cumprimento da pena.

Infelizmente, nossos presídios estão cada vez mais precários estruturalmente e sem credibilidade perante todos. Essa realidade está muito ligada ao alto índice de reincidência criminal.

Ex detentos e a superlotação

Estamos cansados de saber da superlotação das celas penitenciárias, dos maus tratos, do descaso, da falta de ocupação desses detentos, das regalias de alguns, como acesso a telefones celulares, visitas, televisões, dvd’s, drogas, dentre outras vantagens (deixando claro que drogas não são consideradas vantagens para mim, mas, nesse contexto, para eles são).

Acredito que não estejam disponíveis para todos, mas não deveriam estar para nenhum deles. Sou a favor e acredito no papel PRINCIPAL e PRIMÓRDIO das penitenciárias: Reeducar e preparar para a ressocialização.

É uma pena que esse conceito e toda a estrutura para se alcançar tal objetivo esteja praticamente, extinta. E a culpa não está nos detentos. Pelo menos, não 100%. É muito mais fácil jogá-los ali, esperar a pena acabar (ou completar 3O anos de detenção), soltá-los novamente e esperar que eles voltem.

Ninguém nesse meio vai se importar em saber sobre esse ser humano, ninguém nunca vai entender que somos todos iguais e que somos completamente capazes de cometer delitos também. Ninguém nunca vai perguntar o porque.

Ninguém nunca vai verticalizar nos verdadeiros motivos íntimos da prática do crime. É lamentável observar isso. E eu consigo ver de longe.

Sei que é difícil para a sociedade aceitar esse ponto de vista, até mesmo porque temos visto tantas coisas ao contrário ultimamente, mas é justamente por este motivo que estou aqui. Talvez, expondo o meu modo de ver esse”problema”, eu possa despertar novos pontos de vistas em cada um.

Juridicamente, absolutamente todo cidadão tem direito a defesa. Religiosamente, também. E mais que isso! Justamente por não termos no nosso país a pena de morte, implicitamente, todos tem direito a chance de se reabilitar.

Comecemos a polemizar! Se algum”justiceiro” (não sei até hoje o por quê desse apelido que levaram) estiver lendo, vai querer comentar!

Olho por olho, dente por dente acabou tem tempos, minha gente! Temos sede de acabar com a criminalidade, mas não observamos como nossos atos nos transformam em mais um deles.

Tenho um sonho muito grande. O sonho de associar pessoas com pensamentos semelhantes aos meus para abrirmos uma instituição que será voltada somente para reeducação desses ex-presidiários.

Não sei como funcionaria, mas faria de tudo para, de alguma forma, isso acontecer. Acredito na educação, no respeito, na compreensão, no esporte, na arte, no apoio, no carinho, no companheirismo.

O ser humano tem desvirtuado tanto sobre esses conceitos, as vezes tenho medo que eles desapareçam. Mas minha esperança é do tamanho do meu sonho. E que a minha coragem seja tão grande quanto a minha fé!

prisioneiros-charge


Compartilhe com seus amigos !

admin

Administrando o blog oskaras.com desde 28/06/2003 a bagagem é de mais de 14 anos, instrutor de informática, webdesign, seo e marketeiro, o que mais nos espera para 2018 ?